Select Page

De autoria do vereador Ademir Pestana (PSDB), a Câmara aprovou na sessão do dia (3/12) Projeto de Lei que dispõe sobre o atendimento às pessoas com fibromialgia na rede pública de saúde. Trata-se de uma das doenças reumatológicas mais frequentes. O portador da síndrome sente dores generalizadas por todo o corpo durante longos períodos, com sensibilidade nas articulações, nos músculos, tendões e em outros tecidos moles.

A matéria recebeu veto parcial do Executivo no que tange a assistência farmacêutica. O entendimento foi de inconstitucionalidade, por considerar que isso poderia gerar aumento de despesas previstas na lei orçamentária.

Após a sanção do prefeito Paulo Alexandre Barbosa, caberá a Secretaria Municipal de Saúde, estabelecer diretrizes ao atendimento prestado às pessoas acometidas por Síndrome de Fibromialgia.

“Queremos a partir disso, poder oferecer a esses pacientes um tratamento digno e efetivo”, disse Ademir Pestana. Ele acredita que isso possibilitará um novo olhar para os pacientes que sofrem com esta doença, cujo tratamento requer uma atuação multiprofissional.