Select Page

A Câmara entregou no dia 1º de junho a Medalha de Honra ao Mérito Braz Cubas ao advogado Eugênio Malavasi. A outorga foi concedida por meio de Decreto Legislativo nº 52/2014 de autoria do vereador e líder do PSDB, Ademir Pestana. Presidida pelo presidente da Casa, Manoel Constantino, a sessão solene aconteceu no Plenário Dr. Oswaldo De Rosis e contou com a presença do prefeito Paulo Alexandre Barbosa, secretários municipais, promotores, representantes da OAB de Santos e S. Paulo, advogados e vereadores.

Considerado um dos advogados criminalistas mais renomados do País, Eugênio Malavasi contou com o incentivo e ensinamentos do advogado também criminalista Walter de Carvalho, com quem estagiou durante quatro anos, em um dos melhores escritórios de advocacia criminal da região. Pós-graduado em Direito Processual Penal e Mestre em Direito, ministrando palestras nas áreas de Direito Penal e Direito Processual Penal é atualmente professor de Direito Penal na Universidade Monte Serrat (Unimonte).

Repercussão – No currículo, Malavasi possui centenas de juris, sendo alguns de grande repercussão nacional como – Quem mantou o coronel Ubiratan? Um dos mais rumorosos casos de ordem criminal do País foi destaque na mídia impressa, televisiva e radiofônica na época e que culminou com a absolvição da acusada.

Segundo Ademir Pestana, a advocacia criminal requer, para seu exercício, uma grande dose de desprendimento e paixão exigindo desses profissionais muitas habilidades, como conhecimentos científicos sobre criminologia e medicina legal, psicologia, oratória etc. Segundo o vereador, Eugênio Malavasi é um profissional nascido em Santos e que tem se destacado em sua carreira com muita ética, competência e profissionalismo. “Se trata, portanto, de uma justa homenagem”, afirmou.